Dicas

Como sobreviver as festas sendo veg

Final de ano e as festividades chegaram da mesma forma que no ano passado e assim será também com o próximo.

Acompanhando as redes sociais, notei que muitas pessoas tomaram a feliz decisão de se tornarem vegetarianas ou veganas esse ano. Independente do motivo pelo qual você decidiu seguir por esse caminho, você provavelmente vai achar difícil essa transição no começo, assim como todas as desconstruções, isso faz parte de um processo de aprendizagem, mas você não precisa estar sozinhx nessa. Há muitas pessoas que já são veggies experientes dispostos a responder reflexões e questionamentos sobre o tema. E essa época do ano podemos acabar sendo mais suscetíveis a “abrir mão” das nossas escolhas e convicções um pouquinho e comer algo que não é vegano/vegetariano sem querer, por educação ou por simples pressão.

Para evitar isso, vou dar algumas dicas de como sobreviver as festas sendo veg.

Tem também esse texto aqui que eu fiz para quem está chegando agora.

 

 

Prepare-se para as perguntas/piadas

Se esse é o seu primeiro natal em família/amigos sendo vegetariano, você precisa estar preparado para a enorme quantidade de perguntas que serão feitas assim que escutarem as palavras “vegetariano”, “não como carnes”, “nada de origem animal”. As de sempre são: “e as proteínas?”, “vai comer o que?” ou “o que você come?”, “por que você fez isso?”, “nem peixe?”, “e se você estiver na selva…”, “mas vai ficar com anemia…”, “já tentei ser vegetariano, mas fiquei doente.”

Muitas pessoas acabam achando que é só fase, que é moda, que pode abrir mão nos eventos sociais e etc porque o novo vegetariano não se sente seguro sobre suas escolhas, quando na verdade é algo que você já tenha se decidido e não voltará atrás. Então, para evitar esse interrogatório, leia bastante sobre o tema e sobre as possíveis perguntas que possam ser feitas.

Se por um acaso perguntarem algo que você não saiba responder, diga que não havia pensado sobre isso ainda mas que levará em conta a opinião e numa próxima oportunidade trará a resposta (mesmo que não faça isso, pelo menos você sambou na educação).

Assim como as perguntas, as piadas também farão parte disso, se você conhece aquele “tiozão do pavê” que tenta ser engraçado e vai ficar te provocando por ser vegetariano, já se prepare também. Busque paciência de algum lugar dentro de você e IGNORE porque elas sempre vão existir e com o tempo eles ficarão menos frequentes.

Quanto ao fato de “ja tentei, mas fiquei doente”, o corpo humano apesar de ser uma máquina perfeita, todo o ser vivo é passível de ficar doente em algum momento da vida, mas um acompanhamento nutricional resolve rapidinho. E não é só o  fato “não comer carne” que deixa alguém com anemia, onívoros também podem ter e ela acomete por muitos motivos e não só por falta de uma vitamina ou alimento.

Mantenha-se consciente

As tentações são as mais difíceis de lidar porque precisamos desacostumar o paladar daquele gosto que há anos provávamos e essa época do ano é ultra importante para a família. Mas, chega o momento que isso ou aquele prato não fazem mais parte de nós e isso pode ser considerado algo ultrajante. “Como assim você não vai comer a farofa de bacon que a vovó fez para você?”

Pois é nesse momento que você precisará constantemente se lembrar dos motivos pelos quais você optou ser vegetariano/vegan e ter total atenção à preparação dos pratos porque sempre pode ter um caldo de carne, um ovo escondido em algum lugar que você achava inofensivo. Pergunte como o prato foi feito, quais ingredientes, etc…

Dica: assim como veganos não confiam em vegetarianos, vegetarianos não confiam em onívoros.

Vou dar um exemplo que aconteceu comigo. Em um natal há alguns anos atrás, fomos almoçar na casa de uma pessoa e um dos pratos era lasanha de berinjela. Poxa, que bom né, pensei eu na inocência. Só que para minha surpresa, quando vi o prato na hora de comer, o molho era bolonhesa. Todos disseram que era só tirar a carne e comer o resto.

Ora, pense comigo, é possível tirar veneno de um prato pronto? Não, porque já estará tudo contaminado, logo, tirar o bacon da farofa já pronta ou a carne do molho bolonhesa, não vai resolver. Ela continuará sendo uma farofa/molho não vegetariano.

“Mas nem um pedacinho?” Nem um pedacinho.

Quando a vontade de comer aquele prato bater, lembre-se de como os animais são tratados para chegar à mesa. Lembre-se que não faz sentido celebrar a paz, o amor e a amizade com um pedaço de bicho morto no prato.
E se fosse um cachorro?

Leve uma comida

Se você for o convidado de alguém, avise e deixe claro sobre sua opção alimentar e ofereça ajuda para cozinhar algo para levar. Isso é bem comum para nós. Garanto que não se incomodarão.
Mas lembre-se de levar o suficiente para que todos os convidados tenham a chance de experimentar. No começo as pessoas vão torcer o nariz, mas seu prato pode ser o primeiro a acabar.

Dica: não faça algo com soja, já que muita gente tem preconceito com isso. Um prato feito a base de legumes pode ser mais bem quisto.

Veganize pratos tradicionais

Você não precisa ser um MasterChef para fazer um prato tradicional virar vegan/vegetariano.
Há muitas receitas na Internet que podem te ajudar com isso.

Guarde discussões para outra ocasião

Sempre haverá um engraçadinho querendo chamar atenção no role.

Veja, se você fosse vegan/vegetariano por problemas de saúde, as pessoas não fariam piada.
Mas, por mais absurdo que possa parecer, elas acham que você optar por algo fora do padrão é motivo para piada.

Para não estragar a festa de ninguém, nem o seu, fique de boa e evite bater de frente com pessoas ignorantes que não respeitam as outras.

É muito mais fácil você conquistar pessoas mostrando que é possível se alimentar bem sem matar ninguém com comidas gostosas do que fazer discurso agressivo chamando as pessoas de carnistas comedores de cadáveres.

A linha agressiva só afasta, gera intriga, confusão, e não leva a nada.

Mantenha o positivismo e ignore comentários idiotas de pessoas que nada acrescentam na vida.

Lembre-se:

Você pode contribuir para um mundo melhor ou para um mais insuportável.

A escolha é sua!
Boas Festas =)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s